Ansiedade: ACABE com ela, antes que ela ACABE com você!

A ansiedade tem atormentado um grande número de pessoas, independente da idade, religião, nível social ou intelectual. É muito triste ver crianças, jovens e adultos brillhantes, inteligentes e capazes serem paralisados por este mal que tem causado danos tremendos, e em certos casos chegando a ter uma influência tão intensa na vida do indivíduo que sua qualidade de vida é colocada em alto risco.

No mundo que vivemos somos constantemente bombardeados com compromissos, exigências, tarefas, trabalho, atividades domésticas, sociais, deadlines, contas a pagar, emails para ler e responder, telefonemas a serem feitos, entre outros. Ninguém está imune de sentir-se ansioso de tempo em tempo. A manifestação da ansiedade pode variar de uma leve tensão e apreensão a completos ataques do pânico e fobias. O objetivo deste texto é trazer luz ao meu querido leitor e auxiliá-lo a desenvolver seus próprios mecanismos para enfrentar a vida, para que a ansiedade possa ser mantida sob controle em um nível razoável e saudável.

Quando uma pessoa está sofrendo de um transtorno de ansiedade que de fato, é muito comum na sociedade em que vivemos, ela desenvolve manifestações de ansiedade física e psicológicas. Chega a ser um estado de ansiedade e apreensão contínua e irracional. Vale ressaltar, que existem pessoas com predisposição genética, porém para as demais, apenas uma situação extrema daria início a um estado de ansiedade.

Uma ferramenta extremamente eficaz para aprender a lidar com medos e ansiedades que desequilibram o indivíduo é aprender identificar problemas reais de problemas imaginários. É imprescindível cultivarmos pensamentos racionais. Vale ressaltar que existe uma linha tênua entre pensamentos racionais e pensamentos positivos.

Agora, como sei se meus medos e problemas são reais ou imaginários?

Leia com bastante atenção e pondere por um minuto sobre as três perguntas básicas que irão lhe auxiliar neste processo de identificação.

1. O meu pensamento está baseado em fatos?
2. O meu pensamento está me ajudando atingir meus objetivos?
3. O meu pensamento está contribuindo para que eu me sinta da maneira que eu desejo sentir?

Se a sua resposta for não para uma destas perguntas, o seu problema é um problema totalmente imaginário. Ele não é REAL. O seu pensamento é irracional, e para o teu próprio bem, é aconselhável você mudar este pensamento e substituí-lo por um pensamento racional. Ao distinguir problemas reais de problemas imaginários, muito da nossa ansiedade é dissipada. A ansiedade gera muita angústia, dores no peito, dores musculares, taquicardia, sudorese, insônia, tristeza, sentimentos de desespero, e desesperança. Sintomas que se não forem devidamente tratados podem desencadear outros problemas psicológicos como a depressão.

Precisamos reconhecer e entender que cada um é responsável pela vida que leva. Você é responsável por sua vida e conseqüentemente, é a única pessoa capaz de efetivamente mudá-la. Ninguém o conhece melhor do que você mesmo. Por natureza somos os melhores defensores de nós mesmos. Herdamos também o troféu de ser o maior crítico de nós mesmos. Entre tantas convicções, sentimentos e emoções criadas, desenvolvidas e alimentadas na mente, você deve se encarar e se deparar consigo mesmo com toda a sinceridade, abandonando qualquer hipocrisia. Apartir deste auto-encontro, então iniciar a operação resgate de si mesmo.

Comece implementando toda uma reestruturação mental desbloqueando e eliminando as travas emocionais que foram desenvolvidas por sentimentos negativos. Caso aconselhamento profissional seja necessário, busque-o imediatamente. Examine seus pensamentos. Eles tem contribuído para teu equilíbrio mental?

Como já mencionei anteriormente em um de meus textos existem mentiras que se tornam verdades em nossas vidas. Sugiro que você faça sua auto-avaliação. O que você realmente acredita sobre a sua pessoa? Quais são as falácias que se tornaram verdades na sua vida? Atenção!!! Você nem sempre é o que você pensa ser. Se sua visão do “eu”, está distorcida, está na hora de refletir e ponderar sobre o que você pensa sobre si mesmo e substituir conceitos limitantes e destrutivos por conceitos que edificam e fortalecem o seu desenvolvimento emocional.

Um outro fato erronêo que tem causado muita ansiedade nas pessoas é confudir necessidades com simples vontades. Exemplo: Uma pessoa pensando que precisa de algo, quando na verdade apenas deseja este algo. Em muitos casos, a pessoa se endivida, assume compromissos e obrigações que terá muita dificuldade em honrá-los e consequentemente, acaba se colocando em uma posição delicada de muito estresse o que certamente desencadea uma ansiedade. Um outro exemplo, são pessoas que se sentem tão presas e amarradas que geralmente se expressam usando declarações como: tenho que, ao invés de, eu escolho fazer. Para pessoas que pensam que tudo que fazem é porque têm que fazer, gostaria de afirmar que VOCÊ É LIVRE! Livre arbítrio é uma das maiores dádivas que Deus nos deu. Você vive em um país que te dá liberdade de expressão; você possue uma mente para ser usada para o teu bem; você pode muito bem pensar e decidir por você mesmo. Esta capacidade de escolha e decisão existe dentro de você.

Assuma suas escolhas e viva sua vida de uma maneira mais leve. Ao assumir seus próprios desejos, decisões e escolhas você poderá finalmente respirar aliviado e todo o estresse e peso causado por assumir responsabilidades que na verdade não te pertencem serão removidos. Consequentemente, ao decidir parar de culpar alguém por suas escolhas ou decisões impensadas, janelas do seu coração serão abertas e muito da ansiedade que te consome não encontrará mais moradia no seu ser. Saiba que livrar-se destes pensamentos que já tomaram forma e estão enraizados não é fácil, será como limpar um jardim num dia de sol quente e remover uma erva daninha de cada vez. Um processo que exige paciência e determinação. Mas, o resultado final será um jardim limpo onde plantas e flores poderão crescer e florescer em um ambiente preparado, cuidado e preservado. Lembrando que é necessário mantê-lo sempre limpo, pois se negligenciado, as ervas daninhas crescerão novamente e tomarão conta do jardim.

Assim somos nós, precisamos ficar constantemente atentos aos pensamentos que cultivamos, sendo eles pensamentos que constroem e edificam, não haverá espaço para cultivarmos os que nos destroem emocionalmente e geram ansiedade e estresse.

Você tem cultivado pensamentos que a princípio lhe parece ser uma catástrofe, ( algo horrível, terrível, horroroso) quando simplesmente é apenas algo indesejável?

Você tem se preocupado e ficado chateado com suposições, ao invés de fatos? Por exemplo, chateado por uma situação que na verdade não existe, é apenas imaginária?

A vida é repleta de decisões e devemos decidir o que funciona para nós e o que trabalha ao nosso favor. Quando tiver que tomar uma decisão, se você sentir uma paz inundando teu ser, sinta-se seguro que esta decisão não está causando conflito entre a sua razão e o seu coração. Isto já é um grande sinal que você está no caminho certo. Caso contrário, quando a razão entra em conflito com o coração, muita ansiedade é gerada manifestando todos os sintomas que a acompanham.

Encorajo você que sofre de ansiedade, a respirar fundo e acreditar que hoje pode ser um novo dia, um recomeço, uma virada na sua vida. Você merece uma vida tranquila e serena, mesmo diante de provações e desafios. Caros leitores, não vai adiantar nada gastar sua energia se preocupando com situações fora de seu controle. Você têm um Deus que é poderoso para cuidar de você. Ele é MAIOR que seus problemas e suas dificuldades. Êle pode remover toda a sua ansiedade se você decidir entregar o controle de sua vida para Êle. O plano de Deus é melhor que o plano que você tem para sua vida. Como está escrito em Provérbios, “O coração do homem pode fazer planos, mas a resposta certa vem dos lábios do Senhor.” Aprenda a confiar naquele que te criou, entregue todas as suas preocupações ao Pai Celestial. Use sua mente para cultivar pensamentos que irão promover a paz e equílibrio. Escolha viver uma vida leve, colocando nas mãos do Criador toda a sua ansiedade, transferindo para Êle todos os teus medos e preocupações que há muito tempo vem te paralizando. A angústia que tem te paralisado, vem do medo indevido de coisas fora do seu controle. O Senhor Deus tem poder para remover seu medo e te dar CORAGEM, acredite nisto, peça e reconheça que você necessita Dele. Jesus disse: “Portanto, não vos inquieteis com o dia de amanhã, pois o amanhã trará os seus cuidados; basta ao dia o seu próprio mal” (Mateus 6:34). Nenhum homem domina o seu próprio futuro, então devemos confiar em Deus, “Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças” (Filipenses 4:6).

O ponto chave é entregar a Deus as nossas preocupações sobre coisas fora do nosso controle. “Em Deus, cuja palavra eu exalto, neste Deus ponho a minha confiança e nada temerei” (Salmos 56:4). Necessitamos da força Divina e serenidade para suportar e aceitar o que nao podemos modificar, muita CORAGEM para mudar as que podemos, mas o mais importante é ter a consciência da diferença entre elas. A oração da Serenidade de Reinhold Niebuhr resume o que desejo a cada um de vocês neste dia de hoje. SERENIDADE, CORAGEM E SABEDORIA. Abra as janelas do seu coração ao reestruturar seus pensamentos. Você perceberá a grande diferença.

“ Deus conceda-me, Serenidade necessária, para aceitar as coisas que não posso mudar, Coragem para mudar aquelas que posso e Sabedoria para perceber a diferença.”

Então, qual medo você irá eliminar hoje?

Deus abençoe seu dia!

Com muito carinho,

Dra. Claudia Martins

Apoio Multi Holding

Dr. Claudia Martins’ photo produced by www.passportpictures.org

7 Comment(s)

  1. Maravilhoso este tema minha irmã!
    Quero aplicar na minha própria vida suas dicas para acabar com a minha ansiedade.
    Que Deus continue te abençoando !!!
    Love youuuuuu!

    Martha Felipe | out 8, 2010 | Reply

  2. E tudo parece tão fácil quando se lê.
    Acreditar em nós mesmos é o primeiro passo.
    Beijos. Adorei o de hoje.
    Shamea

    shamea | out 8, 2010 | Reply

  3. Grande verdade Claudia!
    Como diz Lauro Trevisan…”Pode quem pensa que pode”

    Grande abraço, espero ansioso por seu próximo post!

    Antonio Queiroz | out 8, 2010 | Reply

  4. Esse material é muito prático e verdadeiro, pois como você mesma disse “Ninguém está imune de sentir-se ansioso de tempo em tempo”, quero me auto avaliar e buscar fazer o meu melhor para garantir uma vida mais tranquila e em paz! Obrigada pela sua disposição e carinho com todos nós! Te amo.

    Priscylla | out 8, 2010 | Reply

  5. Parabéns Claudia! Belíssimo trabalho! Sempre vou estar vindo por aqui viu…agradeço sua irmã Martha Felipe que me indicou seu blog…um grande abraço e que Deus sempre te abençõe

    Cristina Villar Pires | out 8, 2010 | Reply

  6. Claudia,

    Tudo parece muito fácil. Quando estou lendo consigo ver exatamente as coisas, os exemplos que dá em minha vida, mas para mudar tudo isso é muito difícil.

    Vou continuar até conseguir aplicar tudo isso em minha vida, pois tenho certeza que tudo ficará muito melhor e muito mais fácil, nós mesmos que complicamos e na maioria das vezes sem necessidade.

    Obrigado

    Danilo | out 11, 2010 | Reply

  7. Querida,

    Você é uma pessoa abençoada.
    Continue levando ao mundo as palavras que o Senhor colocam em seu coraçao!

    vania | jul 26, 2011 | Reply

Post a Comment